• Museu Histórico Municipal

 

 

 Autor: Maria Sirlene Lipori Cardoso

Título da obra: Fazenda Velha – Monte Alegre

Data: 1994

Dimensões: 40cmX50cm

Proveniência: MHM

Técnica: Óleo sobre tela

Gênero: Paisagem

O trabalho de organização do acervo e dos objetos que formam as coleções do Museu Histórico Municipal (MHM) está fundamentado no conhecimento das fontes históricas. Nesse sentido; fotos, desenhos, pinturas, gravuras entre outras técnicas, são testemunhas visuais relacionadas a fatos e personagens históricos os quais são considerados “imagens históricas”.

 Entre a coleção do acervo do MHM duas obras que se caracterizam como fontes históricas visuais e possuem enquanto gênero artístico a paisagem, se destacam entre as técnicas; por retratarem a “Fazenda Velha”. Uma delas é a pintura a óleo intitulada “Fazenda Velha”; retratada pela munícipe Maria Sirlene Lipori Cardoso. Esta obra teve seu processo e registro de doação datada em 22 de setembro de 1994. A obra em questão provoca uma nostalgia para quem conheceu o lugar retratado; propiciando lembranças e memórias de épocas passadas, principalmente para quem trabalhou, visitou ou soube histórias sobre a “Fazenda Velha”. Na pintura, o olhar do observador se fixa na imponência da fachada do casarão, posicionado na lateral esquerda da tela, a qual toma quase que inteiramente a obra, que divide o espaço do lado direito em primeiro plano; com uma frondosa árvore. As pinceladas são observadas em alguns traços na pintura e os tons da paleta de cores utilizados dialogam com o gênero representado, de modo que a pintura possa ser passível de uma percepção o mais fiel possível da realidade.

Outra obra que pede destaque nesse mesmo gênero é a obra do artista plástico Ari Nogar. Uma pequena obra, possivelmente uma cópia do desenho original, da Fazenda Velha. Este que conforme a ficha catalográfica, está registrado como feito com a técnica bico de pena, que muito se assemelha com as hachuras, pontilhados e tracejados, que a técnica exige. Os detalhes minuciosos da obra revelam a poética do artista e percebe-se o domínio da técnica empregada por ele. A qual traz a obra uma sensibilidade nostálgica para o olhar do observador. Um trabalho poético, passível de realizar uma tênue analogia com o período do pontilhismo. Entre pontos e linhas a figura (desenho bico de pena) toma representatividade e ganha valor histórico para o MHM. Uma obra delicada, quase que uma renda de lembranças e memórias, que Ari Nogar doou ao Museu em 25 de novembro de 1994 através do termo de registro nº 0169.

A Fazenda Velha, é um local no município de Telêmaco Borba que abriga um casarão em estilo colonial que foi sede da antiga Fazenda Monte Alegre.

 

 Autor: Ari Nogar

Título da obra: Fazenda Velha – Monte Alegre

Data: 1981

Dimensões: 30cmX42cm

Proveniência: MHM

Técnica: Bico de pena

Gênero: Paisagem

 

Colaboradoras

Adriana Cristina de Andrade, Cinthia Benck de Lima

Faça seu comentário!

Ação Organização

Vacinômetro

Agenda Vacinas

 

Boletim COVID-19