O Mutirão de limpeza de combate ao mosquito da dengue iniciado no dia 20 de novembro coletou 27 caminhões de resíduos. Em 14 dias de trabalhos, as equipes da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), por meio da Vigilância Sanitária, visitaram todos os bairros do município coletando matérias que poderiam acumular água e ser possíveis criadouros do mosquito Aedes Aegypti.

O material recolhido foi encaminhado para a Cooperativa de recicláveis e depósito de pneus.

A ação de combate reuniu uma série de ações que começaram no dia 18 de novembro com uma mobilização envolvendo aproximadamente 800 pessoas entre servidores e voluntários. No período da manhã, as atividades foram educativas com distribuição de sacos de lixo e fôlderes nos imóveis da cidade.

A tarde foi de recreação na Praça Horácio Klabin, a programação que incluía apresentações artísticas, projeto brincar, barracas com exposição de trabalhos efetuados pelos alunos das escolas da rede municipal de ensino, atendimento de denúncias e orientações relacionados a temática de combate ao mosquito, não pode ser concluída na totalidade devido ao mau tempo.

A Ação de Mobilização e Mutirão de Combate ao Mosquito teve o objetivo intensificar as ações e eliminar os depósitos predominantes, evitar a proliferação do mosquito e sensibilizar a população quanto a sua responsabilidade dentro da sociedade em manter seus quintais e jardins livres de materiais que acumulam água.

   

A prevenção deve ser diária

Prevenir é a melhor forma de evitar a dengue, zika e chikungunya. A maior parte dos focos do mosquito está nos domicílios, assim as medidas preventivas envolvem o nosso quintal e também os dos vizinhos. É simples e rápido combater o Aedes aegypti, siga essas dicas:

-Garrafas PET e de vidro: As garrafas devem ser embaladas e descartadas corretamente na lixeira, em local coberto ou de boca para baixo.

-Lajes: Não deixe água acumular nas lajes. Mantenha-as sempre secas.

-Ralos: Tampe os ralos com telas ou mantenha-os vedados, principalmente os que estão fora de uso.

-Vasos sanitários: Deixe a tampa sempre fechada ou vede com plástico.

-Piscinas: Mantenha a piscina sempre limpa. Use cloro para tratar a água e o filtro periodicamente.

-Coletor de água da geladeira e ar-condicionado: Atrás da geladeira existe um coletor de água. Lave-o uma vez por semana, assim como as bandejas do ar-condicionado.

-Calhas: Limpe e nivele. Mantenha-as sempre sem folhas e materiais que possam impedir a passagem da água.

-Cacos de vidros nos muros: Vede com cimento ou quebre todos os cacos que possam acumular água.

-Baldes e vasos de plantas vazios: Guarde-os em local coberto, com a boca para baixo.

-Plantas que acumulam água: Evite ter bromélias e outras plantas que acumulam água, ou retire semanalmente a água das folhas.

-Suporte de garrafão de água mineral: Lave-o sempre quando fizer a troca. Mantenha vedado quando não estiver em uso.

-Falhas nos rebocos: Conserte e nivele toda imperfeição em pisos e locais que possam acumular água.

-Caixas de água, cisternas e poços: Mantenha-os fechados e vedados. Tampe com tela aqueles que não têm tampa própria.

-Tonéis e depósitos de água: Mantenha-os vedados. Os que não têm tampa devem ser escovados e cobertos com tela.

-Objetos que acumulam água: Coloque num saco plástico, feche bem e jogue corretamente no lixo.

-Vasilhas para animais: Os potes com água para animais devem ser muito bem lavados com água corrente e sabão no mínimo duas vezes por semana.

-Pratinhos de vasos de plantas: Mantenha-os limpos e coloque areia até a borda.

-Objetos d’água decorativos: Mantenha-os sempre limpos com água tratada com cloro ou encha-os com areia. Crie peixes, pois eles se alimentam das larvas do mosquito.

-Lixo, entulho e pneus velhos: Entulho e lixo devem ser descartados corretamente. Guarde os pneus em local coberto ou faça furos para não acumular água.

-Lixeira dentro e fora de casa: Mantenha a lixeira tampada e protegida da chuva. Feche bem o saco plástico.

-Realize semanalmente um “checlist” em sua casa, procurando água parada e eliminando possíveis criadouros.

 

 

Faça seu comentário!

Ação Organização

Vacinômetro

Agenda Vacinas

 

Boletim COVID-19