A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) divulga o cronograma de vacinação entre os dias 17 a 21 de janeiro. As vacinações acontecerão no Centro de Especialidades (CESPE), das 9 horas às 11h30 durante os cinco dias.

A SMS alerta que houve a redução do prazo entre a primeira e segunda dose da Pfizer para 21 dias. Com isso as pessoas com 12 anos ou mais que tomaram a primeira dose do imunizante, devem seguir esse prazo de 21 dais para tomarem a segunda dose.

O prazo para tomar a dose de reforço da vacina contra a Covid-19 reduziu de cinco para quatro meses para pessoas com 18 anos ou mais. A diminuição do prazo foi enviada em memorando da Secretaria Estadual de Saúde (SESA), no dia 20 de dezembro.

A SMS informa que as pessoas com mais de 60 anos, mulheres com crianças de colo (até 02 anos), gestantes e portadores de deficiência têm prioridade no atendimento para vacinação. Para isso eles devem solicitar atendimento prioritário na lateral, com as atendentes.

SEGUNDA-FEIRA (17)

Na segunda-feira (17) será feita a primeira dose para as pessoas com 12 anos ou mais e segunda dose da AstraZeneca para quem tomou a vacina com a primeira dose até 22 de novembro, primeira dose da Pfizer até dia 28 de dezembro e da CoronaVac para pessoas que foram vacinadas até 24 de dezembro.

A segunda dose da Janssen (dose de reforço) para as pessoas vacinadas com a dose inicial até o dia 17 de novembro (enquanto houver doses disponíveis).

As terceiras doses para as pessoas com 18 anos ou mais vacinados com a segunda dose de Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac até o dia 18 de setembro. A terceira dose para os imunossuprimidos vacinados com a segunda dose da Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac até 21 de dezembro.

TERÇA-FEIRA (18)

Na terça-feira (18) será feita a primeira dose para as pessoas com 12 anos ou mais e segunda dose da AstraZeneca para quem tomou a vacina com a primeira dose até 23 de novembro, primeira dose da Pfizer até dia 29 de dezembro e da CoronaVac para pessoas que foram vacinadas até 25 de dezembro.

A segunda dose da Janssen (dose de reforço) para as pessoas vacinadas com a dose inicial até o dia 18 de novembro (enquanto houver doses disponíveis).

As terceiras doses para as pessoas com 18 anos ou mais vacinados com a segunda dose de Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac até o dia 18 de setembro. A terceira dose para os imunossuprimidos vacinados com a segunda dose da Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac até 22 de dezembro.

QUARTA-FEIRA (19)

Na quarta-feira (19) será feita a primeira dose para as pessoas com 12 anos ou mais e segunda dose da AstraZeneca para quem tomou a vacina com a primeira dose até 24 de novembro, primeira dose da Pfizer até dia 30 de dezembro e da CoronaVac para pessoas que foram vacinadas até 26 de dezembro.

A segunda dose da Janssen (dose de reforço) para as pessoas vacinadas com a dose inicial até o dia 19 de novembro (enquanto houver doses disponíveis).

As terceiras doses para as pessoas com 18 anos ou mais vacinados com a segunda dose de Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac até o dia 19 de setembro. A terceira dose para os imunossuprimidos vacinados com a segunda dose da Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac até 23 de dezembro.

QUINTA-FEIRA (20)

Na quinta-feira (20) será feita a primeira dose para as pessoas com 12 anos ou mais e segunda dose da AstraZeneca para quem tomou a vacina com a primeira dose até 25 de novembro, primeira dose da Pfizer até dia 31 de dezembro e da CoronaVac para pessoas que foram vacinadas até 27 de dezembro.

A segunda dose da Janssen (dose de reforço) para as pessoas vacinadas com a dose inicial até o dia 20 de novembro (enquanto houver doses disponíveis).

As terceiras doses para as pessoas com 18 anos ou mais vacinados com a segunda dose de Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac até o dia 20 de setembro. A terceira dose para os imunossuprimidos vacinados com a segunda dose da Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac até 24 de dezembro.

SEXTA-FEIRA (21)

Na sexta-feira (21) será feita a primeira dose para as pessoas com 12 anos ou mais e segunda dose da AstraZeneca para quem tomou a vacina com a primeira dose até 26 de novembro, primeira dose da Pfizer até dia 01 de janeiro e da CoronaVac para pessoas que foram vacinadas até 28 de dezembro.

A segunda dose da Janssen (dose de reforço) para as pessoas vacinadas com a dose inicial até o dia 21 de novembro (enquanto houver doses disponíveis).

As terceiras doses para as pessoas com 18 anos ou mais vacinados com a segunda dose de Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac até o dia 21 de setembro. A terceira dose para os imunossuprimidos vacinados com a segunda dose da Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac até 25 de dezembro.

DOCUMENTOS

Para receber a vacina é obrigatório apresentar documento pessoal com foto, CPF, cartão SUS e Cartão de Vacinas. É necessário que o adolescente esteja acompanhado de um responsável.

Os imunossuprimidos, além de levar os documentos, também é obrigatório apresentar a comprovação da imunossupressão (ver lista a seguir).

IMUNOSSUPRESSÃO

São consideradas doenças imunossupressoras:

-  Imunodeficiência primária grave.

- Quimioterapia para câncer

- Transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras.

- Pessoas vivendo com HIV/Aids com CD4

- Uso de corticóides em doses ≥20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por ≥14 dias.

- Uso de drogas modificadoras da resposta imune.

- Pacientes em hemodiálise.

-Pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (reumatológicas, auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias).

DROGAS IMUNOSSUPRESSORAS

Tabela de drogas modificadoras da resposta imune e doses consideradas imunossupressoras:

-  Metotrexato

-  Leflunomida

- Micofenolato de mofetila

- Azatiprina

- Ciclofosfamida

- Ciclosporina

- Tacrolimus

- Mercaptopurina

- Biológicos em geral (infliximabe, etanercept, humira, adalimumabe, tocilizumabe, Canakinumabe, golimumabe, certolizumabe, abatacepte, Secukinumabe, ustekinumabe)

- Inibidores da JAK (Tofacitinibe, baracitinibe e Upadacitinibe)

 

 

 

 

Faça seu comentário!

Ação Organização

Vacinômetro

Agenda Vacinas

 

 

Boletim COVID-19