A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) reforça a importância das gestantes que ainda não se vacinaram contra a Covid-19 ou estão com a segunda dose atrasada para que se imunizem o quanto antes.

De acordo com notas técnicas emitidas pela Secretaria Estadual de Saúde (SESA), gestantes e puérperas são consideradas grupo de risco para a Covid-19, especialmente no 3º trimestre de gestação e período pós-parto. “O conhecimento adquirido no decorrer da pandemia evidencia o risco de internamento, desfechos maternos e neonatais desaforáveis e óbito materno tanto em gestantes e puérperas com comorbidades, como naquelas sem comorbidades”, destaca a nota, ressaltando a importância dessas mulheres se vacinarem.

Uma pesquisa americana mostrou que a vacina contra a covid-19 não gera reações graves a grávidas e mulheres que estão amamentando. Os especialistas chegaram a essa conclusão após avaliar dados de mais de 17 mil voluntárias, incluindo gestantes que se imunizaram. Os dados foram apresentados na revista especializada Jama.

As vacinas para gestantes estão sendo aplicadas no Centro de Especialidades (CESPE), de segunda a sexta-feira, das 09 horas às 11h30. Para se vacinar, é obrigatório apresentar documento pessoal com foto, CPF, cartão SUS, Cartão de Vacinas e a prescrição médica.

A SMS recomenda a manutenção das medidas de segurança como o uso de máscaras, álcool gel, higiene e lavagem das mãos, isolamento e distanciamento social durante a gestação e puerpério para enfrentamento da pandemia da COVID-19.

 

Faça seu comentário!