Sendo a diversificação uma das linhas de trabalho da Secretaria Municipal do Trabalho e Indústria Convencional (SMTIC), a confecção é uma das atividades econômicas que vem sendo cuidadosamente trabalhada e acompanhada com muito interesse, em especial pela população feminina de Telêmaco Borba.
Segundo o secretário da SMTIC, Ede Pukanski, o objetivo é criar um espaço próprio para a costura. Para isso já foi iniciado a aquisição de barracões que serão destinados exclusivamente ao segmento de confecção e realizada na última quinta-feira (2) uma reunião com todas as pessoas que fizeram o curso básico de costura no SENAI no auditório da Secretaria Municipal de Educação (SME).
A reunião teve como objetivo apresentar as próximas ações da SMTIC de forma a incentivar a atividade de confecção.


INVESTIMENTO
Também na oportunidade foram apresentados o Banco Social e a Sala do Empreendedor, onde as pessoas interessadas poderão se cadastrar no MEI – Micro Empreendedor Individual e desta forma adquirirem personalidade jurídica ficando aptas a emissão de nota fiscal e inclusive de participarem dos processos de compra do poder público em suas esferas municipal, estadual e federal. O Banco Social hoje está em plena atividade podendo oferecer linhas de crédito de R$ 300,00 a R$ 15.000,00 com taxas de juros mais acessíveis.
A costureira Leonilda Iesue é um exemplo de como essas ações podem contribuir para melhorar a renda familiar. Ela se cadastrou no MEI e contratou um empréstimo de R$ 5 mil junto ao Banco Social, o que foi determinante para o crescimento de sua atividade e o aumento de sua renda.

Em 2011, foram realizadas duas turmas do curso básico de costura e atualmente há uma turma em andamento, devendo ainda este ano iniciar mais uma turma do curso básico, totalizando a capacitação de aproximadamente 120 pessoas no curso básico.

APERFEIÇOAMENTO
Em continuidade ao programa de costura será iniciado em março curso de aperfeiçoamento. Serão duas turmas simultaneamente, linha de produção e linha sob medida

A linha de produção terá módulos de corte costura, inicial costura, malharia e jeans com 220 horas.
Na linha sob medida, módulos de corte costura, inicial costura, tecido plano, moldagem básico e moulage com 340 horas.
O requisito para participação dos cursos acima será ter concluído o curso básico realizado pelo SENAI e que fizeram o curso de costura entre 2007 e 2008.
Caso haja um número de inscrições superior a quantidade de vagas disponíveis será realizada uma seleção com critérios a serem definidos. Cada turma poderá ter até 25 participantes.
O curso é totalmente subsidiado pela Prefeitura sem qualquer custo para os participantes.


SERVIÇO
As inscrições serão realizadas a partir de 13 de fevereiro diretamente no SENAI.

Mais informações 3904-1704, na Secretaria Municipal do Trabalho e Indústria Convencional.

 

Faça seu comentário!

Ação Organização

Vacinômetro

Agenda Vacinas

Boletim COVID-19