Uma equipe do Procon está realizando desde o dia 19 de março um trabalho de fiscalização no comércio de Telêmaco Borba para averiguar os valores praticados na venda de àlcool em gel 70%, máscaras cirúrgicas e o leite longa vida.

Para a coordenadora do Procon,  Mariangela Machado, o trabalho vem sendo feito para atender uma série de reclamações do consumidor quanto ao aumento de preço desses produtos nos últimos dias.

“Realizamos várias visitas nos estabelecimentos comerciais que vendem os produtos, solicitamos informações dos preços ofertados. Na maioria notamos que os produtos como o álcool em gel e as máscaras cirúrgicas estavam em falta devido à grande procura nos últimos dias”, argumentou Mariangela.

Na terça-feira (24), o Procon incluiu na fiscalização o leite longa vida, em função das muitas reclamações da população sobre o aumento deste produto.

“Abrimos uma investigação preliminar, visitamos mercados, supermercados , farmácias,  os quais estavam comercializando os produtos”, reiterou a coordenadora.

Foi solicitado o envio das notas fiscais de compra do distribuidor, bem como o envio de notas fiscais de venda aos consumidores de álcool em gel 70%, máscaras e do leite, dos últimos três meses.

Mesmos os estabelecimentos que não possuíam o produto no momento, foram notificados para que apresentem documentação para averiguação se houve prática abusiva contra os consumidores, conforme artigo 39 do Código de Defesa do Consumidor (CDC).

O Procon orienta aos fornecedores sobre a limitação neste momento especifico para que todos os consumidores consigam realizar suas compras, informando-os de forma clara e visível aos consumidores.

Os consumidores que necessitem informações ou mesmo fazer denúncias de práticas abusivas deverão utilizar o WhatsApp (42) 99122-4471 ou o e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., uma vez que o atendimento presencial foi suspenso devido à pandemia coranavírus (COVID-19).

Aqueles consumidores que estiverem enfrentando problemas com bancos, lojas, fabricantes, operadoras entre outros, deverão utilizar a plataforma www.consumidor.gov.br  para realizarem o cadastro e a reclamação para que a mesma seja sanada.

Foto - Fiscais do Procon de Telêmaco Borba verificaram os valores que estão sendo praticados no comércio sobre as vendas de álcool em gel, máscaras e leite longa vida. 

Faça seu comentário!