Com o objetivo de orientar a população, em especial as mulheres, sobre as práticas sexuais seguras e fortalecer a mulher para reconhecer e lutar contra as questões ligadas a desigualdade de gênero como violência e a discriminação, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) realiza, no mês de março, a campanha do Dia Internacional da Mulher.
Todas as unidades básicas de saúde, com o apoio do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) estão organizando ações para homenagear as mulheres oportunizando a realização de exames, palestras de orientação e atividades educativas e recreativas.
A Campanha, que está sendo realizada pelo sétimo ano, de acordo com a coordenadora dos postos enfermeira Fernanda Gomes da Silva, vem apresentando impactos positivos. "Aproximadamente 3 mil mulheres por ano participam dessas atividades que ajudam a aumentar a autoestima, diminuir a vulnerabilidade a violência e as DST/HIV/Aids", disse.
Fernanda explicou que a mulher é mais vulnerável a contaminação pela DST/HIV/Hepatites Virais principalmente pela dificuldade de negociar a utilização do preservativo em todas as relações. "Anatomicamente a mulher é mais susceptível do que o homem e elas confiam em seus parceiros e não exigem o uso do preservativo", acrescentou.

A programação começou nesta quarta-feira (7) no Jardim Bandeirantes.
Na quinta-feira (8), a partir das 13h30, as mulheres do BNH terão os serviços. O evento será no Centro Comunitário ao lado da Unidade Básica de Saúde (UBS). Também na quinta, os postos da Vila Esperança, Caic e Jardim Alegre realizam as atividades. Para os moradores da Vila Esperança será utilizado o Centro Comunitário, no Jardim Alegre o salão da Igreja Católica e no Caic o auditório a partir das 13 horas.

Na segunda-feira (12), a UBS do bairro Cem Casas realiza as ações no espaço da Casa da Amizade, às 13h30.
A Marinha (no Clube de Mães) e Vila Izabel (no Sindicato do Papel) organizam as comemorações para a terça-feira (13), a partir das 13 horas. No Bela Vista, na quarta-feira (14), às 14 horas começa a programação. As demais UBS também estarão desenvolvendo atividades para comemorar o Dia Internacional da Mulher.

Outra atividade incluída na Campanha é o treinamento sobre Abordagem Sindrômica e Sífilis, na sexta-feira (9). O treinamento é para médicos e enfermeiros, na sala de reuniões da Vigilância Sanitária, e terá como palestrante a médica Circe Lourenço Nunes, da SMS.

 

Faça seu comentário!

Ação Organização

Vacinômetro

Agenda Vacinas

Boletim COVID-19